O salão online de equipamentos médico-hospitalares

Que carro-maca escolher?

Como o seu nome indica, o carro-maca é um conjunto composto por uma maca e por uma estrutura com rodas, o carro. Serve para transportar um doente ou um ferido em posição deitada ou, por vezes, sentada. É, principalmente, utilizado em hospitais e em centros de saúde para levar pacientes de uma unidade para outra, assim como em ambulâncias, no transporte de pacientes para estabelecimentos de saúde.

Existem diferentes tipos de carros-maca; as suas propriedades ergonómicas e funcionalidades variam em função das aplicações para que foram previstos.

Carros-maca: ver produtos

  • Quais os diferentes tipos de carros-maca?

    Carro-maca para ambulâncias da marca ROYAX

    A escolha do carro-maca dependerá essencialmente do uso previsto. Entre os principais usos destes equipamentos, destacamos a emergência médica, a traumatologia, o transporte de cadáveres, a neonatologia e a oftalmologia.

    • Carros-maca de emergência: são modelos geralmente compactos e mais fáceis de manobrar, que requerem menos esforço por parte dos profissionais para os colocarem e retirarem da ambulância.
    • Carros-maca de traumatologia: oferecem todas as funcionalidades necessárias para o transporte de vítimas de trauma, seja nos serviços de urgência, seja nos de radiologia ou de cuidados intensivos.
    • Carros-maca para transporte de cadáveres: destinam-se ao transporte de corpos dentro da morgue.
    • Carros-maca de neonatologia: são utilizados, nomeadamente, para transportar incubadoras.
    • Carros-maca de oftalmologia: apresentam as características necessárias à realização imediata de procedimentos oftalmológicos em ambulatório.

    Há outros carros-maca com características bastante específicas, tais como os pediátricos, os bariátricos e os modelos para serviços de radiologia e de ressonância magnética. Estes últimos podem ser não magnéticos ou constituídos por um leito radiotransparente, permitindo realizar os exames diretamente na maca.

    Principais tipos de carros-maca:

    • Maca de emergência
    • Maca de traumatologia
    • Maca para transporte de cadáveres
    • Maca de neonatologia
    • Maca de oftalmologia
  • Quais as funcionalidades dos carros-maca?

    Carro-maca de transporte da marca Malvestio

    A maioria dos carros-maca oferece a possibilidade de ajustar a altura da maca, a inclinação da secção das costas, bem como a posição do leito. Existem, igualmente, modelos com a funcionalidade de autocarga. Estes mecanismos podem ter acionamento mecânico, pneumático, hidráulico ou elétrico.

    • Altura ajustável: os carros-maca de altura ajustável permitem aos profissionais de saúde trabalhar numa posição confortável e adequada aos procedimentos a realizar.
    • Secção das costas / encosto ajustável: esta funcionalidade proporciona maior conforto ao paciente em posição semissentada ou sentada.
    • Posição do leito / estrado: em alguns carros-maca, é possível inclinar longitudinalmente o leito da maca para colocar o paciente na posição Trendelenburg (deitado de costas, com os membros inferiores mais altos do que a cabeça) ou anti-Trendelenburg (deitado de costas, com a cabeça num plano mais elevado do que os membros inferiores). A mudança de posição faz-se, geralmente, por meio de um pedal.
    • Carros-maca de autocarga: ideais para situações de emergência ou de primeiros socorros, os carros-maca de autocarga são mais fáceis e mais rápidos de colocar e retirar da ambulância. Basta premir um botão para separar a maca do carro, mesmo no interior da ambulância. Desta forma, é possível utilizar a maca, o carro e o leito rígido em separado e com extrema simplicidade.
  • Que configuração de carro-maca escolher?

    Dependendo do uso previsto e da frequência de utilização, é importante ter em conta cinco aspetos: a capacidade de carga, a facilidade de manutenção, o número de secções da maca, o sistema de direção e de travagem e, por fim, a compatibilidade com diferentes acessórios.

    • Capacidade de carga: corresponde ao peso máximo suportado pelo carro-maca. É fundamental, sobretudo se estiver previsto o transporte de pacientes obesos.
    • Facilidade de manutenção: trata-se de outro aspeto da maior importância, especialmente se o carro-maca se destinar a um uso intensivo ou a serviços onde esteja mais exposto a sujidades (urgências, bloco operatório, morgue, etc.).
    • Número de secções da maca: as macas têm entre uma e quatro secções, consoante os modelos. Quanto mais secções tiver, maior será o número de posições possíveis e maior o conforto que oferece ao paciente.
    • Sistema de direção e de travagem: é o que dita a facilidade de manobra do carro-maca. Alguns modelos possuem, por exemplo, direção com seis rodas motrizes e outros um sistema de travagem acionado por manípulo, que permite imobilizar facilmente a maca.
    • Compatibilidade com acessórios: com diferentes acessórios, o carro-maca pode adaptar-se a diversas situações. Entre os acessórios mais comuns, encontram-se os suportes para soro ou, ainda, as guardas laterais rebatíveis ou deslizantes, que facilitam o acesso ao paciente e a sua transferência para outra superficie.
  • Que acessórios considerar ao escolher um carro-maca?

    São muitos os acessórios disponíveis no mercado para carros-maca, nomeadamente:

    • suporte de soro, a fim de administrar infusões durante a transferência do paciente;
    • guardas laterais, que previnem o risco de queda do paciente;
    • balança integrada;
    • suporte para garrafas de oxigénio;
    • correias para garantir a segurança do paciente, prendendo-o à maca;
    • apoio de cabeça ajustável.
Guias relacionados
1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...
Nenhum comentário

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *